Default Header Bubble Text

Já existe cura para o resfriado?

POR EM Sem categoria em 24 de agosto de 2017

boy wipes his nose with a tissue

Não existe vacina contra resfriado e alguns cuidados preventivos não te livram 100% dessa doença. É tão comum ser contagiado, que muitas vezes nem nos preocupamos.

Coriza, cansaço, espirros, tosse, dor ou coceira na garganta, lacrimejamento, quebradeira, dor no corpo e de vez em quando, febre: todos esses são sintomas de quem sofre com resfriados, principalmente no inverno.

Mas é importante lembrar que a estação não deve ser culpada, porque geralmente as pessoas é que permanecem aglomeradas em ambientes fechados e com pouca ventilação, propiciando a ocorrência de um resfriado. Essa doença comum ataca a maior parte das pessoas, sem discriminação, porque é uma infecção viral que acomete as vias respiratórias superiores facilmente através do ar ou pelo contato físico.

Segundo pesquisadores da Universidade de Edinburgh Napier, na Escócia, os chamados peptídeos antimicrobaterianos podem levar à cura de uma doença que assola grande parte da população: o resfriado.

Nesse estudo feito, os cientistas sintetizaram peptídeos antimicrobianos vistos em porcos e ovelhas, resultando em uma avaliação de seu impacto em células pulmonares infectadas por rinovírus.

Eles crêem que esse resultado deve trazer pistas para o progresso de novos tratamentos para o resfriado à base em peptídeos encontrados na natureza.

Como parte dos próximos passos, a modificação do peptídeo para torná-lo mais eficiente vai ser imprescindível afim de matar o vírus da doença. Mesmo estando em estágios iniciais, essa pesquisa é animadora por ser uma descoberta que pode trazer a cura do resfriado comum, que na verdade mesmo sendo popular, gera diversos incômodos na qualidade de vida.

E quem ganha com isso? Nesse processo, a descoberta de um tratamento eficiente contra o resfriado pode auxiliar pacientes que portam doenças pulmonares mais críticas como asma e doença pulmonar obstrutiva crônica. Afinal, as infecções virais são um grande risco para a saúde, podendo agravar-se bem mais nessas pessoas que possuem essas condições de perigo.

O que queremos enfatizar é que mesmo que não haja cura e vacina ainda, é urgente que haja o desenvolvimento de dessas pesquisas sobre os tratamentos para o rinovírus humano, o principal agente do resfriado comum, além de uma das causas mais comuns de infecções virais do trato respiratório.

Você percebe a importância importante dos estudos acerca do assunto resfriado? Por exemplo, as pesquisas antes realizadas pelo professor Barlow evidenciaram o potencial dos peptídeos antimicrobianos no combate ao vírus influenza A, causador de outra vilã: a gripe.  

Por isso, todas as razões que seguem em questão sugerem a exploração desse assunto na pesquisa. Você já pensou em se dedicar à esse tipo de estudo? Nós da HRPC estamos aqui para auxiliar com todo o apoio de profissionais com experiência em diversas áreas terapêuticas, entre elas: oncologia, reumatologia, vacinas, ginecologia, oftalmologia, cardiologia, pneumologia, diabetes, entre outras.

Aqui você conta com clínicas e hospitais conveniados a HRPC, que variam de acordo com a especialidade médica, justamente pela necessidade de equipamentos e procedimentos médicos específicos para cada patologia estipulada. Conheça nossa estrutura dinâmica e conte com a gente para atender seu projeto, indiferentemente de seu tamanho e complexidade. Acesse o site aqui.


COMPARTILHE:

3 anos ago / Sem Comentários

24

AGO

Sem

Comentários

richard_pense

Tags:, , , , ,

Comentários